Arquivo do autor:tatitalima

Sobre tatitalima

Tatita Lima contribuiu com álcool e filosofia para esta Taverna no período de 06/04/2011 à 20/01/2012, mas nunca deixará a essência de taverneira porque toda a sua filosofia de bêbada continuará registrada em seus textos. A Tatita Lima continua na rede: twitter: @tatitalima facebook: facebook.com/tatitalima

Adeus? Jamais.

Eis o ponto, taverneiros. Quero saber uma coisa de vocês. Como vocês se despedem de alguém? Tchau? Até mais? Até? Adeus? Pois bem. Sou daquelas que não gosta de usar adeus. Acho adeus muito triste, para baixo. Como dizia Noel Rosa, adeus é uma palavra que faz chorar. Por isso não uso, para mim é como dizer “acabou, foi finito”.

Então cá estou para me despedir dessa Taverna com um tchau. Tchau como se eu fosse ali na adega comprar mais cerveja,  dizendo: “Logo mais te vejo!”. (Foi mais ou menos isso que eu disse para minha mãe quando eu saí de casa, mas neste caso eu usei padaria e pão). Realmente, olhar agora para Taverna Filosófica me fez lembrar de quando saí da casa dos meus pais. Não consegui levar muitas coisas, foi só o necessário, o necessário para uma nova mulher.

Minha antiga-nova kitinete era do tamanho do meu antigo-antigo quarto, só que tinha que caber: uma mini geladeira, um fogão duas bocas, tv 14”, computador, microondas, cama, guarda-roupas de duas portas, quatro cobertas e uma mesa robusta para apoiar minhas folhas A1 e, ah,  minha régua paralela de 1m. Mágico! Cabia.

Kitinete da Tatita - 2006

A kitinete era tão entulhada e mesmo assim gostava tanto de estar ali, queria vê-la mais bonita, uma bagunça arrumada, porque eu era parte daquela bagunça. Pintarei a parede! É. Resolvi pintar mesmo, com tudo dentro de 23m² de área útil, já contando com o banheiro-lavanderia. Tudo não, confesso. Ficou sem pintar atrás do guarda-roupas, atrás da cama e atrás da mala G, que era o meu criado-mudo. Ali atrás nem aparecia mesmo! Ainda tenho alguns moletons que contam melhor essa história. Continue lendo

Anúncios

Um luxo apimentado

Depois de uns goles de álcool sento à mesa da Taverna para filosofar e petiscar um assunto doce e ao mesmo tempo apimentado. Antes de lambuzar a mesa (opa!) é preciso deixar claro que essa Taverna é um ambiente familiar, mas esporadicamente coloca em discussão assuntos que alfinetam o pudor e ruborizam alguns nichos da sociedade.

Por falar no verbo “ruborizar”, esse assunto chegou à tona por intermédio dos queridos geeks que divertem o mundo da tecnologia com seus temas, histórias e afins: os líderes da #CavalariaGeek, Tato Tarcan e Prof. Maury do WeRgeeks. No quadro WeRgeeks #Recomenda69 (um número muito sugestivo!), Prof. Maury com toda sua audácia recomenda a série brasileira do MultiShow Oscar Freire 279 e desde então, mesmo ruborizada, passei a acompanhar.

Existem preconceitos quando se fala de produção brasileira para TV, eu mesmo ligo o botão ALARME ao assistir, não porque duvido da potencialidade e ousadia dos roteiristas, diretores e atores brasileiros, mas porque infelizmente a TV aberta não se preocupa com o “o que, para quem e como?” da sua produção , apenas “para quantos?”. Ela joga no liquidificador drama, humor, erotismo e serve de uma vez, achando que essa é a única receita vitaminada para o grande entretenimento brasileiro, as novelas. Continue lendo


Fora da Taverna 2 – Pearl Jam

Promessa é dívida! Saímos dessa humilde Taverna para trazer música e diversão aos nossos clientes.

Dessa vez o Fora da Taverna 2, além de mostrar a cara dos taverneiros na real life, conta os melhores momentos do show do Pearl Jam em Curitiba no dia 09/11/11, no Estádio Britto e Silva (Vila Capanema), logo depois que os taverneiros contaram suas histórias e expectativas no Cast 010 – Aqui Ten Pearl Jam.

É uma pena, mas não foi dessa vez que conseguimos uma entrevista com a querida banda. Não chorem. As fotos do show ficaram maneiras e deixaremos aqui, penduradas na parede da Taverna Filosófica.

Clique aqui se você bebeu demais e perdeu o Fora da Taverna 1 – Youpix.


TOP 11 DE 2011

Muitas filosofagens foram feitas na Taverna no ano de 2011. Alguns temas foram nostálgicos, televisivos ou musicais, mas cada texto escrito de um jeito no guardanapo e revelando muito de nossas histórias, sentimentos e afinidades depois de tomar alguns goles de álcool.

Separamos aqui os textos que mais sacudiram a Taverna Filosófica para que os nossos clientes taverneiros relembrem os causos e também apresentar aos mais bêbados, que dormiram na mesa, os grandes sucessos desse ano!

TOP 11 2011

TOP 1

Desenhos que divertiam as crianças nos anos 80

Por Carla Oliveira

 “Eu tive a sorte de ser criança  na época dos desenhos animados mais legais de todos os tempos. Logo abaixo segue a lista dos meus preferidos. E vocês, meus amigos taverneiros quais desenhos animados fizeram parte da sua infância e quais aqueles que vocês mais gostaram?…” 

Leia mais

TOP 2

Senta que lá vem história

Por tatitalima

Agora, peço gentilmente aos frequentadores que se sentem, pois contarei uma história que já foi construída com novos ideais (agora velhos) dentro do mundo da arte, mais precisamente sobre a história de como vivemos, dentro de uma casinha.

Mesmo pendendo para a “arte” do Urbanismo, sempre tive fascínio pela História da Arte e da Arquitetura, mas agia com certo preconceito sobre a História do Mobiliário. Com o tempo, fui convencida que todas essas “artes” estão totalmente interligadas e contam, de maneira sutil, como pensamos e vivemos…” 

Leia mais

TOP 3

Adele, sabor Chandelle

Por tatitalima

“Gosto de dar um tipo de sabor para tudo que gosto, talvez porque comer seja meu maior prazer. Cinestesia? Provável. Fechar os olhos e sentir um cheiro que te leva a um sabor, um sabor que te leva a algum lugar, um lugar que te leva a alguém, e se alguém te arrastou até aí usando esses sentidos é porque o tato é a cereja do bolo…”

Leia mais

TOP 4

3% rumo aos 100%

Por tatitalima

“Nessa Taverna independente sempre buscamos papos sobre produções autorais. Nos últimos meses falamos sobre o campo da música, agora a pauta é sobre TV.

Passaram alguns meses e os 3% que começaram a divulgação espalhando os links da série brasileira 3%, pela web, foram os responsáveis pela semeação da ficção científica mesclada com drama, produzida por mentes jovens do curso de Audiovisual da ECA-USP…”

Leia mais

TOP 5

RPG Eletrônico

Por Diego Said

“Muitos ao lerem o título do post, já pensaram “isso não existe” principalmente o pessoal que joga rpg a bastante tempo. Discordo em parte de vocês, muitos dos elementos do RPG tradicional é encontrado no eletrônico mas é impossível ter toda a liberdade e criatividade de se fazer o que quiser. Lembre-se um console/pc são máquinas feitas para serem precisas, é inviável para a equipe que desenvolve o game prever todas as ações que milhares de jogadores queiram tomar…”

Leia mais

TOP 6

True Blood

Por Victor

“Devo começar esta… seja lá o que for com um pedido de desculpas a todos que acham realmente legal um Vampiro brilhar no sol!

True Blood é uma série que retrata um mundo onde o sobrenatural existe e aqui os vampiros são criaturas complicadas e monstruosas (difícil encontrar isto nos dias de hoje). Se for um jogador de RPG então sentirá certo conforto na série, eles são criaturas traiçoeiras e assassinas…”

Leia mais

TOP 7

Levante-se, não fique fora da Casinha!

Por tatitalima

“Em menos de um mês que choramos as pitangas pelo cenário da música curitibana, ouvindo as canções que causam dependência, viciamos os  frequentadores dessa Taverna. Bêbados pelas doses dos acordes, fomentamos a discussão: “[…] A indagação sobre o potencial artístico das cidades, como Curitiba e outras, no cenário musical não se propagar está restrito à produção local ou o problema está em pequenas portas enferrujadas que não se abrem para esses artistas, nem mesmo dentro da própria cidade? […]”

Leia mais

TOP 8

Into the Wild (Na Natureza Selvagem)

Por Victor

“Já pensou em abandonar tudo? Em se afastar desta sociedade louca? Esta é a história de Christopher que é contada no filme Na Natureza Selvagem (Into the Wild) de 2007. Um rapaz que não se adaptava a sociedade consumista e que resolve ir para o Alaska. Algo que chamo tua atenção é para o relacionamento que ele tinha com os pais.

Quantas pessoas não passam por situações semelhantes? Quantas pessoas não se adaptam ou não visualizam sentido na sociedade? Baseado em fatos reais com uma abordagem muito interessante e cativante é sem dúvida um filme que vale a pena conferir…”

Leia mais

TOP 9

Frases de filósofo x Frases de Programador

Por Carla Oliveira

“Olá queridos taverneiros, trago algumas frases para divertir a nossa taverna, pois uma boa taverna que se preza sempre tem algumas “frases engraçadas” e piadas para divertir seus taverneiros.

Como a nossa taverna é nerd e filosófica nada mais justo do que frases de filósofos x frases de programador…”

Leia mais

TOP 10

Algum demônio, algum anjo

Por tatitalima

“Desta vez, trago reflexões sobre a história e a arte de quem somos: a arte de ser anjo e demônio. Mas, refletir sobre esse tema vai além da história da humanidade e exige buscar a verdade, a busca e não necessariamente o encontro.

Comecei buscando as definições de anjo e demônio e descobri que tais definições se transformaram ao longo do tempo. Segundo meu dicionário amarelado e cheio de “orelhas”, um anjo seria a representação da perfeição moral, que não pertence à humanidade. Um demônio seria na antiguidade (visão politeísta), um gênio inspirador, tanto bom quanto mal, que definia o caráter e o destino de alguém – a alma, o espírito. Demônio (para o monoteísmo) é o anjo que se rebelou contra Deus, um gênio do mal, um anjo caído…”

Leia mais

TOP 11

Universo Paralelo

Por tatitalima

“A especulação sobre outros mundos sempre esteve presente em nossas vidas, principalmente em nossas concepções sobre as escolhas. Falar sobre tais mundos alternativos é um assunto que sempre gera polêmica, principalmente numa Taverna, numa roda de amigos.

Durante a nossa jornada, em algum momento, já pensamos sobre a possibilidade de um (ou mais de um) universo paralelo, embora alguns interpretem de forma mais religiosa ou espiritual e outros analiticamente se apeguem às questões científicas que envolvem o assunto.”

Leia mais


Cast 012 – Video Games: alegrias e frustrações

O décimo segundo podcast da Taverna Filosófica está no ar! O podcast é um programa que serve para informar e divertir os frequentadores dessa Taverna. Puxem uma cadeira e escutem a conversa nostálgica sobre histórias da infância, causos para serem contados para os filhos e netos.

Os taverneiros Lessandro Rodrigues, Tiago Ferreira, Tatita Lima e Rafael Headbanger convidam os clientes para rir das alegrias e frustrações do passado.

Duração:  67′ 30” min.

Não deixem de ouvir os emails no final do cast! A partir de 59′ 51″.

Para baixar o podcast clique em Download podcast com o botão direito e em seguida selecione salvar…

Download podcast 

ATENÇÃO PARA O NOVO FEED (ITUNES, WINAMP, ETC):

https://tavernafilosofica.wordpress.com/category/cast/podcasts/feed/

O que é RSS? Como assinar um blog? Como assinar um podcast?

Comentado nesse episódio:

NES 

Jogo de boxe no Atari Video

Superman Atari – Video

Video Games Live  – Video

Super Soccer Champ

The Lost Vikings

Ultimate Battlefield 3 Simulator


Cast 012

A conversa da semana foi nostálgica! Os taverneiros beberam e lembraram de histórias para serem contadas para os filhos e netos.

O Podcast 012 está chegando!

Os taverneiros Lessandro Rodrigues, Tiago Ferreira, Tatita Lima e um convidado especial se encontram para relembrar e rir do passado.

Se perdeu algum cast, abra  essa porta da Taverna e divirta-se!


Quais os temas de podcasts que os clientes mais gostaram?

Filosofando com suco de soja e derretendo meu cérebro por fazer muitas contas cheguei a uma incrível conclusão: essa semana a Taverna Filosófica fez nove meses de vida, uma GESTAÇÃO! Uma gestação cheia de posts e com onze filhos, os queridos podcasts da Taverna.

Com isso, surgiu a dúvida e montamos a seguinte enquete: quais os temas de podcasts que os clientes taverneiros mais gostaram? (pode ser mais de um, ok?)

Sua resposta vale mais do que um barril de chopp (e preferimos álcool a suco de soja), portanto fique à vontade para dar sua opinião!